Dia dos Pais / Ivete Raffa

                                                                   Dia dos Pais

  

Hoje, muitas escolas trabalham o Dia dos Pais com reserva, uma vez que muitas crianças não moram com os pais verdadeiros. Todo o trabalho com este tema vai depender da maneira com que o professor vai abordar o assunto e o grau de afinidade que ele tem com seus alunos. Essa data deve ser uma oportunidade para resgatar valores, conhecer a história dela, aprender conteúdos novos, relembrar os já estudados e desenvolver a criatividade.

Independentemente do lado comercial que envolve o Dia dos Pais, a escola é um excelente local para se trabalhar os valores e os laços afetivos que unem a criança ao seu pai ou àquele que faz esse papel. Muitas vezes esse papel é assumido por avôs, tios, padrastos ou até a própria mãe.

Em 1909, em Washington, EUA, Sonora Louise Smart Dodd, filha do veterano da guerra civil, John Bruce Dodd, teve a ideia de celebrar o Dia dos Pais, depois de assistir uma homenagem ao Dia das Mães. Ela queria homenagear seu próprio pai, que ficou viúvo quando sua esposa deu a luz ao sexto filho em 1898. Ele cuidou do recém-nascido e seus cinco filhos sozinho.

Sonora sentia muito orgulho de seu pai por vê-lo superar muitas dificuldades sem a ajuda de ninguém. O primeiro Dia dos Pais foi comemorado no dia 19 de junho de 1910, aniversário do pai de Sonora. A rosa foi escolhida como símbolo do evento sendo que as vermelhas eram dedicadas aos pais vivos e as brancas aos pais falecidos. 
Aos poucos cada país foi instituindo uma data para se comemorar o Dia dos Pais. 

Pais do século XXI

Por muitos séculos, o pai era o único responsável pelo sustento da família, trabalhava o dia todo para garantir a estabilidade financeira. Hoje, o pais assumem novas funções dentro do lar. O pai do século XXI se renova em sentimentos e emoções, configurando-se num exemplo de dedicação. 
Os pais de hoje trabalham, mas também, dividem as tarefas domésticas com as esposas, uma vez que a grande maioria das mulheres também trabalha. Os pais se preocupam juntos com o futuro dos filhos e sempre que possível reservam um tempo para curtir o dia a dia da família. 

Essa igualdade de papéis aproximou muito os pais dos filhos. O pai do século passado considerado um bom pai era aquele que tinha um bom emprego e condições financeiras de proporcionar vida tranquila para toda a família. Não existia a participação direta da figura masculina no dia a dia do filho, a não ser quando era necessário impor respeito ou ditar regras.

O pai se sentia constrangido para dar carinho ao filho. Beijar um filho era algo muito difícil de acontecer. As mudanças em relação a isso ficaram visíveis há duas ou três décadas com a entrada das mulheres no mercado de trabalho. Com isso o homem foi forçado a assumir responsabilidades que não eram da alçada dele até então. Forçando assim a superação de dogmas machistas e provocando a aproximação afetiva entre pais e filhos.

Muitos pais dividem as atividades domésticas com as mulheres de forma harmoniosa, cozinham, levam e buscam filhos na escola, levam para atividades extracurriculares, fazem compras nos supermercados, etc.
Fonte: “Comemorando e Aprendendo II” – Ed. Rideel – Autora - Ivete Raffa

Atividades: Confecção de lembrancinhas para presentear o papai. 

Objetivos:
a)    Refletir sobre a data comemorada “Dia dos Pais”, entendendo os valores que ela traz à tona.
b)    Confeccionar várias atividades para comemorar o Dia dos Pais relembrando conteúdos já aprendidos e conhecendo novos conteúdos.

1 – Cartões para o papai – Camisa com gravata

Material: papel color set preto, Bloco de papel Ecocores Textura, cola branca, Crystal cola gliter prata da Acrilex, cortadores, régua e tesoura.

Modo de fazer: Cartão Gravata
a)    Recorte um retângulo medindo 23x9cm. Marque 11 cm, vinque e dobre. Marque mais 11 cm, faça um risco, depois faça um corte de cada lado para dobrar o colarinho da camisa e fechar o cartão. 
b)    Recorte um retângulo em cartolina branca medindo 9,5x7,5cm para colar por dentro do cartão (local onde será escrita a mensagem).
c)    Recorte a gravata e o bolsinho da camisa no papel Ecocores Textura. Cole na frente do cartão e dê acabamento com a Crystal cola gliter prata da Acrilex.

Modo de fazer: Cartões para o papai
a)    Recorte um retângulo medindo 22x9cm no papel Ecocores Textura. Dobre o retângulo ao meio. Risque tirinhas de 0,7 e 2,0 cm corte e cole na frente do cartão ou recorte um retângulo no papel Ecocores Textura medindo 7x9cm, cole na frente do cartão. Corte no papel color set preto, notas musicais com os vazadores, cole sobre o Textura. Finalize com Crystal cola gliter prata da Acrilex. 

2 – Marcador de livros

Material: papel color set preto, Bloco Ecocores Textura, Crystal cola gliter prata da Acrilex, fita dupla face, cortadores em formato de círculo e notas musicais, régua, furador, fita de cetim e cola branca.

Modo de fazer:
a)    Recorte retângulos de papel color set preto no tamanho 05x20cm. Cole um no outro com fita dupla face. Crie algo bem interessante pensando no seu pai e recorte no papel Ecocores Textura: linhas, formas geométricas, corações, etc. Cole sobre o marcador de livros.
b)    Faça os acabamentos com Crystal cola gliter prata da Acrilex. Faça um furo na parte superior e amarre uma fita fina para finalizar o marcador.


3 – Porta-retratos

Material: bloco de papel Ecocores Textura, papel color set preto, fita dupla face, cortadores em formato de notas musicais, régua, foto, cola branca, Crystal cola gliter prata da Acrilex e tesoura.

Modo de fazer:
a)    Recorte dois retângulos no papel color set preto medindo 17x38cm. Cole um no outro com fita dupla face.  Marque 05cm, 14cm, 14cm e 05cm, faça um risco e vinque (frente do porta-retratos, verso e as duas partes de apoio).
b)    Recorte um retângulo no papel color set (frente de porta-retratos) para colocar a fotografia.
c)    Recorte formas, linhas, gravatas, etc e cole na parte da frente do porta-retratos, na moldura. Recorte círculos, notas musicais ou outro desenho no papel color set preto e cole sobre o Ecocores Textura. 
d)    Faça detalhes com a Crystal cola gliter prata da Acrilex. Cole a foto por trás da moldura.  Presenteie o papai.

4 – Caixinhas de MDF – Porta-chaves ou Porta-trecos

Material: bloco de papel Ecocores Textura, papel color set preto, caixinhas de MDF, Tinta PVA da Acrilex, Crystal cola gliter prata da Acrilex, cola branca, pincel ref.054, nº 08, régua e tesoura.

Modo de fazer:
a)    Pinte a caixinha de MDF com a Tinta PVA da Acrilex. 
b)    Faça a camisa com papel color set preto e Ecocores Textura. Faça os detalhes com Crystal cola gliter prata da Acrilex. Cole na tampa da caixinha.

5 – Gravatas na parede

Material: bloco de papel Ecocores Textura, papel color set preto, fita preta 0,5 cm, cola branca, Crystal cola gliter prata da Acrilex e tesoura.

Modo de fazer:
a)    Pense numa mensagem para o papai. 
b)    Recorte gravatas coloridas no papel Ecocores Textura (uma gravata para cada letra da mensagem ou do nome do papai). Cole as gravatas sobre o papel color set preto. Recorte deixando uma moldura de 0,5 cm.
c)    Recorte as letras no papel color set preto e cole uma letra em cada gravata. Faça os contornos com a Crystal cola gliter prata da Acrilex. 
d)    Cole as gravatas na fita deixando um espaço entre elas. Pendure na parede e faça a surpresa para o papai.

 

Conteúdos e habilidades trabalhados: 
- Valores, sentimentos, interação, limites, direitos e deveres.
- Cores, linhas, formas, bi e tridimensão, contrastes, textura tátil e visual, sobreposição, equilíbrio e estética.  
- Socialização, organização, planejamento, habilidades artísticas e coordenação viso- motora.
- Migração, localização geográfica.

Técnicas trabalhadas: Pintura, Recorte e Colagem.


Possibilidades de trabalho:

Conversa inicial – Abordando o tema com as crianças.
-    Antes de qualquer coisa, a professora falará sobre o seu próprio pai, qualidades, defeitos, importância dele na vida dela, etc. (isso fará com que as crianças fiquem mais à vontade para falar sobre o assunto).
-    Peça às crianças que pensem sobre o seu pai ou a pessoa que assume este papel. Peça que desenhem essa pessoa.
-    Converse com os alunos sobre a figura paterna, hoje em dia, muitas vezes assumida pelo avô, tio, irmão, padrasto ou até a própria mãe. Diga que o importante é ter pessoas que nos dão carinho, amor, nos ensinem a respeitar o outro, que estão presentes quando necessitamos e que nos orientem para que possamos seguir o caminho do bem.
-    Converse sobre os sentimentos envolvidos nessa relação. Conte como essas comemorações começaram nos EUA e depois, aos poucos, foram tomando conta de todo o planeta.

Conversando com os pais
-    Pergunte aos pais onde nasceram, em que estado.
-    Peça que cada um conte um pouquinho da infância. Como eram as brincadeiras, como era a escola, a relação com os outros irmãos, quando começaram a trabalhar, etc.
-    Peça que tracem um paralelo da infância e da vida atual (pais). Socializem.
-    Recorte círculos de cartolina, distribua um para cada criança e peça que escrevam o nome nele.
-    Junto com a professora e os colegas de classe, deverão localizar o estado que o pai nasceu no mapa do Brasil e colar o círculo. Quando todas as crianças colarem seus nomes, conversem sobre a migração de pessoas e por que isso ocorre.
-    Depois disso, conversem sobre o respeito aos pais e limites que devem ter (direitos e deveres das crianças).

Homenagem aos pais
-    Cada criança deverá confeccionar uma lembrancinha para homenagear o pai ou a pessoa que desempenha esse papel. Escolha uma das sugestões acima e faça esse carinho para o papai.

Conversa final
- Passado o Dia dos Pais, reúna as crianças e converse sobre o aprendizado que esta atividade proporcionou.
- Diga aos alunos que quiserem para contar como foi a recepção da lembrancinha entregue aos pais.

 

                                                                                    Ivete  Raffa
                                                                        Arte educadora e pedagoga
                                                                        http://www.iveteraffa.com.br/

 

Linhas de Produtos: Nenhuma linha utilizada Tags: Pais, Festa, Dia, Presente, Atividade, Escolar, Ecocores, Textura, Papél

Rua João Batista Nogueira, 728 - Nova Cumbica - Guarulhos - SP

Telefone: (11) 2483-4646

desenvolvido por agência ecco